Banner

Doe de Coração 2017

A edição deste ano marca o aniversário de 15 anos do Movimento Doe de Coração, exatamente no momento em que o Estado do Ceará registra a menor taxa de recusa de famílias de possíveis doadores de órgãos, segundo dados da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO). A Universidade de Fortaleza deu prosseguimento em 2 de setembro à divulgação do Movimento Doe de Coração: doar órgãos é um ato de solidariedade, coletividade e fraternidade e foi com base nesse pensamento que a Unifor reuniu cerca de 50 pessoas na praça central do campus.

Ranking nacional

Ceará ocupa a 6ª posição no ranking nacional de transplantes. Taxa de doadores efetivos aumentou 11,8% em relação a 2016.

Seja um doador

Para ser um doador, não é necessário fazer nenhum documento por escrito. Basta que a sua família esteja ciente da sua vontade.

Salvos pela doação

No ano de 1997, Débora apresentou diversos sintomas, mas o diagnóstico demorou a sair. Ela precisava de um transplante de fígado.

Salvos pela doação

José Crisóstomo Chagas, 65, descobriu que tinha deficiência de medula óssea aos 63 anos. Seu irmão era compatível e foi o doador.

Esclareça suas dúvidas

A desinformação ainda é a principal barreira para a doação de órgãos. Esclareça suas dúvidas e ajude a divulgar esse movimento.

Doe de Coração | Twitter
Portal Unifor | Fundação Edson Queiroz | Central de Atendimento
Fundação Edson Queiroz todos os direitos reservados